Proerd forma 540 alunos em Belford Roxo

A Prefeitura de Belford Roxo, em parceria com a Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, realizou, na Igreja Nova Vida, em Heliópolis, a formatura dos 540 alunos que participaram do curso do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd). Os estudantes, todos do 5º ano de escolaridade, são de 11 escolas municipais. Vinte e quatro alunos foram agraciados com medalhas por terem feitos as melhores redações sobre o curso. Vinte e quatro destaques também foram homenageados.

O secretário municipal de Educação, Denis Macedo, frisou que 30 escolas participam dos cursos do Proerd. Ele argumentou que o Proerd é importante, pois através das palestras, os instrutores conseguem fazer com que os alunos conheçam os malefícios das drogas. “Essa interação com a PM faz com que as crianças tenham aproximação com o policial e saiba que este profissional é muito importante para a sociedade. O fundamental é mantermos os jovens longe das drogas”, concluiu.  A Secretaria montou uma grande estrutura para o evento com 12 ônibus e lanches.

Na avaliação da secretária de Assistência Social e Cidadania, Daniela Carneiro, a participação de pais e professores é importante para que o curso ministrado pelos instrutores da PM alcance bons resultados. “Os policiais são os ídolos das crianças e isso facilita o trabalho. É importante que as crianças saibam as consequências das drogas e se afaste delas”, finalizou, ao lado do bispo da Nova Vida, Moacyr de Oliveira, da Nova Vida.

Aluno da Escola Municipal Heliópolis, Victor Lucas, 10 anos, foi um dos 24  premiados com a medalha. Sonhando ser piloto de avião, o menino argumentou que irá passar para todos os seus colegas o que aprendeu no curso. “Drogas não estão com nada”, resumiu. “A droga faz mal ao corpo, vicia e mata”, completou Yelly Vitória, 10, aluna do Ciep Municipalizado Ministro Gustavo Capanema.

Há três anos no Proerd, o sargento Gerson Batista, que juntamente com o subtenente Elton e os sargentos Lacerda e Almeida, são os instrutores do Proerd em Belford Roxo, se emocionou durante a cerimônia lembrando dos conselhos de sua mãe Ivonete Santos, que estava na plateia. Gerson enfatizou que ser reconhecido pelo trabalho executado é uma sensação gratificante. “Nas aulas mostramos a prevenção e orientamos os alunos a seguirem o caminho do bem. A atuação dos pais é fundamental neste processo”, encerrou o sargento, acrescentando que a redação de final do curso é uma oportunidade para o aluno escrever sobre tudo o que aprendeu durante os seis meses de aulas.O mascote Leo foi uma atração à parte para as crianças.

Além do Ciep Gustavo Capanema e da Escola Municipal Helióplis, participaram também do curso alunos das seguintes escolas municipais: Amélia Ricci Baroni, Irmã Filomena Filha, Santa Cruz, Rudá Iguatemi Villanova, São Francisco de Assis, José Pinto Teixeira, Paulo Freire, Manoel Gomes e Ciep Casemiro Meirelles.

Crivella assiste à apresentação de orquestra sinfô...
Parcerias entre a Prefeitura de Niterói e o Sebrae...