'Medalhões' do Boavista marcam e Fluminense estreia com derrota no Carioca

Com uma equipe praticamente formada por jovens de Xerém, a equipe das Laranjeiras foi batida em Bacaxá

O Fluminense começou mal a sua caminhada no Carioca. Com uma equipe formada praticamente por jogadores revelados em Xerém, a equipe das Laranjeiras foi derrotada por 3 a 1 para o Boavista. O Tricolor está no grupo C da competição, o outro grande da chave é o Botafogo.

Os gols da equipe de Bacaxá foram marcados por velhos conhecidos do futebol carioca. Leandrão e Erick Flores (dois) marcaram para o time da casa. Caio descontou para o Fluminense.

O Tricolor volta a jogar no sábado contra o Botafogo. Já a equipe do Boavista volta a jogar em casa contra o Macaé.

 O JOGO

O Fluminense começou bastante superior, com bastante volume de jogo, e criou boa chance aos cinco minutos, quando Robinho fez boa jogada e cruzou para Romarinho, mas Rafael defendeu. O mesmo Romarinho perdeu grande oportunidade aos 14, quando recebeu ótima enfiada de Marlon Freitas, invadiu a área sozinho e finalizou cruzado para fora.

Mas bastou um cochilo dos garotos tricolores para o Boavista sair na frente. Aos 19 minutos, Erick Flores aproveitou sobra pela esquerda e deu ótimo passe para Julio Cesar. O lateral invadiu a área e encontrou no meio o atacante Leandrão, que desviou de carrinho para a rede.

O gol não abalou o Fluminense, que voltou a atacar e buscou o empate apenas nove minutos depois. Dudu recebeu lançamento longo de Marlon Freitas e cruzou para a área. Pedro emendou lindo voleio, Rafael fez grande defesa, mas, no rebote, Caio marcou.

O time tricolor seguiu em cima, mas falhava no último passe. O Boavista, por sua vez, chegava menos, mas era bem mais perigoso. Aos 36, Gustavo Geladeira cobrou falta pela direita, a bola desviou de leve na barreira e quase morreu no ângulo esquerdo.

Na volta para o segundo tempo, os mandantes forçaram o ritmo e não demoraram para recuperar a vantagem. Logo aos 10 minutos, Leandrão recebeu com liberdade pela direita e cruzou para a área Erick Flores aproveitou cochilo de Dudu, dominou e tocou na saída de Júlio César.

Dando muito trabalho para a defesa adversária, Leandrão voltou a levar perigo aos 13 minutos, quando foi lançado e tentou por cobertura na saída do goleiro, mas exagerou na força. O Fluminense se abria e era todo ataque para buscar o empate, mas o Boavista assustava a cada contragolpe.

Este seguiu sendo o cenário da partida. Se o Fluminense residia no campo ofensivo, o Boavista apostava em um contra-ataque para matar a partida. E ele veio aos 38 minutos, quando Cláudio Maradona foi lançado em velocidade e caiu ao sentir o contato de Evanilson. O árbitro marcou pênalti, que Erick Flores cobrou com categoria para definir o triunfo. Nos acréscimos, Caio ainda foi expulso após falta para matar contragolpe dos donos da casa.

Garotada brilha com golaços e Flamengo estreia ven...
Preço do gás de cozinha vai cair 5% nesta sexta-fe...