Crivella: orla da Praia da Macumba será devolvida à população em fevereiro

Com cerca de 60% da obra concluída e 400 metros de serviços executados entre estaqueamento e enroncamento sintético, a orla da Praia da Macumba, que tinha sido destruída pelo movimento da maré, será devolvida à população em fevereiro. A avaliação é do prefeito Marcelo Crivella, que vistoriou a obra de contenção do calçadão na manhã desta quarta-feira, dia 10/1.

- Nos últimos 15 anos, esse muro cedeu várias vezes. Agora, não vai mais ceder. Estamos fazendo o enroncamento com sacos sintéticos e colocando mais de 200 estacas. Com uma grande sonda, está sendo injetada uma pasta de cimento que forma uma coluna que vai escorar o muro e o que ele protege, que é o pavimento e a rua.  É uma obra de 600 metros de extensão e 400 já estão prontos – comentou Crivella.

Após os procedimentos mais pesados, que inclui o uso de grandes equipamentos e máquinas, além da participação de 56 operários, a Prefeitura do Rio vai realizar a etapa de urbanização, com recuperação do calçamento de pedras portuguesas, dos quiosques e recomposição do piso de madeira. Todo o trabalho está orçado em R$ 14,5 milhões. Na vistoria, Crivella foi acompanhado pelo coordenador da Secretaria Municipal de Conservação e Meio Ambiente, o engenheiro Luiz Antonio, e pelo presidente da Comlurb, Rubens Teixeira.

- Neste trecho da obra, a faixa de areia está muito estreita porque o mar vai tirando areia de um lado e jogando para outro. Estudos da Coppe indicam que podemos fazer um enroncamento próximo ao Canal da Sernambetiba para resolver essa questão. E assim que acabar essa obra aqui, vamos fazer isso lá. Para que a Praia da Macumba volte a ter um espaçamento próprio e que as famílias venham aqui da mesma forma que fazem na Barra da Tijuca – acrescentou o prefeito.

Após o término dos serviços, a estrada receberá fresagem e nova pavimentação. Outras etapas já estão adiantadas: o estaqueamento em frente ao condomínio Sobre as Ondas já foi finalizado e agora a obra de contenção se concentra por toda a área atingida com a execução de jet grouting (injeções de cimento para estabilizar o solo). Diversas vezes o calçadão da Praia da Macumba já afundou nos últimos anos, com ocorrências mais graves registradas nos anos de 2006 e 2010.

 

- A obra atende a uma reivindicação antiga dos moradores da região. Estamos fazendo um programa de contenção com muita segurança. Com a tecnologia empregada, estamos mais tranquilos para os próximos verões. Nas próximas ressacas, teremos segurança para que não aconteça o que vinha ocorrendo em anos anteriores. De maneira que temos a convicção que tanto o muro quanto o que está por trás do muro, inclusive os edifícios, não vão sofrer com o assoreamento – finalizou Crivella.
Professora é assassinada a facadas dentro de apart...
Nota: Belford Roxo esclarece