Crivella vistoria Sapucaí e entrega chave do Rio ao Rei Momo

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB), visitou o sambódromo da Marquês de Sapucaí para realizar uma vistoria horas antes dos desfiles das escolas de samba do grupo de acesso, que se iniciam nesta sexta-feira (9). Durante a visita, ele foi atingido por um forte jato d’água vindo de um hidrante, que atingiu também outros jornalistas e membros de secretarias que o acompanhavam.

Logo depois, ele foi ao Palácio da Cidade, onde participou da cerimônia de entrega da chave da cidade ao Rei Momo. No tradicional evento carioca, coube ao presidente da RioTur, Marcelo Alves, dar a chave nas mãos do Rei do Carnaval. Já de roupa trocada, Crivella falou que não tem nada contra a data festiva.

 

“Vivemos com o coração estraçalhado com tanta violência, e tantos bairros necessitando de tanta coisa para ser feita. O carnaval nesse momento é um ressurgir, uma esperança”, disse o prefeito.

 

“Não é verdade que o prefeito tenha qualquer preconceito contra o carnaval. Fiz todos os esforços para fazer a festa com todo o brilho como sempre será”, disse Crivella.

A vistoria no Sambódromo estava marcada para às 10h mas foi realizada pouco depois das 9h. Sobre o incidente, ocorrido depois que um funcionário da Prefeitura esbarrou na mangueira, o prefeito usou do bom humor.

“O pessoal da Rio Águas está de parabéns, porque a vazão que eles botaram ali no ponto de água quase me jogou pro alto“, brincou o prefeito.

Participaram da vistoria representantes da Comlurb, Secretaria de Ordem Pública, Guarda Municipal, Secretaria de Conservação, Rioluz, Rio Águas, Secretaria de Infraestrutura e Urbanismo, Riourbe, Geo Rio, Secretaria de Saúde, Vigilância Sanitária e Secretaria de Assistência Social.

Carnaval é feriado ou ponto facultativo? Saiba o q...
Rio: Informe Epidemiológico - Febre Amarela